Nesta quarta-feira (17), o Banco Central anunciou corte na Selic de 0,75 p.p., levando a taxa de juros básica para 2,25%, após reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). Esse novo percentual renova a mínima histórica.

Segundo o comunicado do encontro, o estímulo é compatível com o cenário atual de crise, pois tanto para o cenário interno quanto para o cenário externo, o ambiente para as economias segue desafiador.

Foi destacado também que o PIB do Brasil confirmou sua maior queda desde 2015, sendo assim, apesar de todas as forças para tentar conter a desaceleração econômica, a incerteza permanece.

Ainda em relação ao comunicado, o Copom, indicou a possibilidade de haver novos cortes ainda este ano. Mas se isso de fato ocorrer, serão de proporção inferior aos 0,75 p.p.

O último corte na taxa foi realizado no mês de maio e foi de justamente 0,75 p.p. Este foi o terceiro corte em plena pandemia do coronavírus.

A pontuação dos nossos leitores
[Total: 14 Média: 5]