Nesta sexta-feira, 19/06, o Ibovespa manteve a tendência de ontem e apresentou mais uma valorização abaixo de 1%. A bolsa registrou alta de +0,46%, nos 96.572,10 pontos e movimentação financeira de R$ 38,736 bilhões. O dólar comercial teve baixa de -1,36%, mas continua acima de R$ 5,00.

No cenário internacional, o destaque são as relações EUA-China. Hoje, o chefe da diplomacia dos Estados Unidos, Mike Pompeo, dirigiu-se aos países europeus para afirmar que o partido comunista chinês quer obrigar outros governos a escolher lados entre os EUA e a China. Pompeo também alertou sobre os riscos de uma dependência da China.

Na economia, o destaque da semana são os índices da indústria. Segundo a CNI, os números já estão se distanciando dos piores momentos da crise; o índice de evolução da produção passou de 26 pontos em abril para 43,1 pontos em maio. Mesmo assim, atividade industrial continua longe do ideal, pois qualquer resultado abaixo de 50 pontos sinaliza queda.

Na política, após a prisão de Fabrício Queiroz em operação da PF e a saída de Abraham Weintraub do Ministério da Educação, eventos que marcaram o dia de ontem, hoje houve visitas de representantes do Planalto ao ministro do STF Alexandre de Moraes. O ministro da Justiça, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência e o advogado-geral da União viajaram a São Paulo para a reunião, que é uma tentativa de restabelecer harmonia nas relações entre os poderes Executivo e Judiciário.

Entre as ações que mais subiram no pregão de hoje, estão as empresas MRV Engenharia (MRVE3), que teve alta de +6,38%, negociada a R$ 17,73. Raia Drogasil (RADL3), que apresentou alta de +4,70%, negociada a R$ 114,23. Qualicorp (QUAL3) teve alta de +4,73, negociada a R$ 29,00. Hapvida (HAPV3) teve alta de +4,16, negociada a R$ 62,81 e a BB Seguridade (BBSE3) teve alta de +3,49%, negociada a R$ 28,79.

Enquanto isso, a maior queda foi da siderúrgica CSN, que apresentou comportamento volátil essa semana. CSN (CSNA3) teve baixa de -3,78%, negociada a R$ 11,21. Fleury (FLRY3) teve baixa de -3,42%, negociada a R$ 25,11. BR Distribuidora (BRDT3) teve baixa de -2,88%, negociada a R$ 22,22. Bradespar (BRAP4) teve baixa de -2,88%, negociada a R$ 36,06. Banco Bradesco (BBDC3) teve baixa de -2,25%, negociada a R$ 19,99.

A pontuação dos nossos leitores
[Total: 10 Média: 5]