Nesta sexta feira, contrariando a expectativa do mercado, o Ibovespa conseguiu se recuperar e voltou à casa dos 100 mil pontos, posição que não ocupava desde março. 

Desta maneira, a Bolsa de Valores encerra a semana com uma valorização de 3,38%, impulsionados principalmente pela notícia de uma possível vacina contra a COVID-19, já em fase de testes no Brasil. 

A previsão é a de que nos próximos dias, o Ibovespa siga a previsão de alta, buscando chegar próximo ao patamar que estava antes da pandemia do novo coronavírus ser anunciada.

Movimentação das ações

Diante da alta do Ibovespa no dia de hoje, algumas ações acabaram ganhando destaque, como:

  • CVC (CVCB3) – 12,64%;
  • Cogna (COGN3) – 11,05%;
  • Henring (HGTX3) – 5,92%.

Já entre as ações mais prejudicadas desta terça feira, destacam-se:

  • Qualicorp (QUAL3) – 2,06%
  • Telefônica (VIVT4) – 1,84%
  • Eletrobras (ELET6) – 1,45%

Dólar

A moeda americana apontou uma leve queda na cotação de hoje, de 0,47%, chegando ao patamar a R$ 5,3159.

Para compra efetiva, o dólar poderia ser encontrado no mercado pelo valor de R$ 5,3184.

Juros futuros

Enquanto isso, no mercado de juros futuros tivemos a seguinte cotação:

  • DI para janeiro de 2022: queda de nove pontos base, marcando 3,04%;
  • DI para janeiro de 2023: perda de sete pontos base, marcando 4,13%;
  • DI para janeiro de 2025: queda de dois pontos base, marcando 5,62%.
A pontuação dos nossos leitores
[Total: 18 Média: 5]