Notícias

Após semana de queda, Ibovespa cresce 1,94% nessa segunda-feira

Voltar

O mercado encerrou o pregão de hoje com um viés positivo motivado por duas boas notícias. A primeira diz respeito às retomadas da 3ª fase de testes da vacina contra o Covid-19 pela farmacêutica AstraZeneca e a segunda vem de transações corporativas.

Em terra orientais, o banco SoftBank vendeu, por US$ 40 bilhões, o controle da empresa de chips Arm para a americana Nvidia.

Já no ocidente, o imbróglio envolvendo o governo Trump x Tik Tok parece estar próximo do fim. Relembre: o presidente deu o prazo de 45 dias para que a empresa chinesa fosse vendida à uma corporação americana sob pena de ter suas ações proibidas nos EUA.

Desta maneira, segundo publicado pelo Wall Street Journal, as operações estadunidenses serão assumidas pela Oracle e, em breve, a parceria será anunciada.

Valorizadas, portanto, encerraram as bolsas da Ásia: Xangai Composto (China) +0,57% a 3.278,81 pontos, Shenzhen Composto (China) +1,15% a 2.189,10 pontos, Hang Seng (Hong Kong) +0,56% a 24.640,28 pontos e Kospi (Seul) +1,30 % a 2.427,91 pontos e Nikkei (Japão) +0,65% a 23.559,30 pontos e Taiex (Taiwan) + 0,88%, a 12.787,82 pontos.

Em sentido oposto, na Europa, as bolsas terminaram no vermelho. Apesar das intensas movimentações entre fusões e aquisições globais. Isso acontece porque houve aumento nos casos de Covid-19 na região.

Portanto, o esperado é que, em breve, as economias da Espanha, França e no Reino Unido sejam afetadas pelos novos contágios. Consequentemente, o desenvolvimento será freado.

Assim, registraram os pregões na zona do euro: FTSE 100 (Londres) +0,02%, em 6.033,31 pontos, CAC 40 (Paris) +0,35% a 5.051,88 pontos, FTSE MIB (Itália) -0,14% a 19.793,80 pontos, DAX (Alemanha): -0,07 % a 13.193,66 pontos, IBEX 35 (Madri) +0,11% a 6.951,10 pontos e PSI 20 (Lisboa) -0,60 % a 4.285,97 pontos.

Os futuros da Dow Jones registraram 27.841 pontos com avanço de +1,27%. O S&P 500 atingiu valorização de +1,27% a 3.383,54 pontos.



Baixe gratuitamente o nosso simulador de investimentos



O Índice da bolsa brasileira, o Ibovespa, acompanhou o ritmo asiático e estadunidense ao iniciar bem a semana com alta de +1,94% - 100.275 pontos.

Contudo, na semana passada o pregão acumulou recuo de -2,84%. Já no mês o indicador decaiu -1,01% e a perda no ano é na ordem de 14,94%.

Dentre as maiores altas temos: YDUQ3.SA (+7,96%), GOLL4.SA (+7,29%), CIEL3.SA (+6,98%), AZUL4.SA (+6,28%) e BRML3.SA (+5,90%).

Já as maiores baixas foram: PRI03.SA (-1,54%), PETR3.SA (-1 %), PETR4.SA (-0,91%) e BRAP4.SA (-0,77%) e ELET6.SA (-0,48%).

Dólar

A moeda americana escorrega e tem queda de -1,10% fechando o pregão cotada a R$ 5,275.

Após a publicação do Boletim Focus que indica leve melhora no PIB (de-5,31% para – 5,11%), investidores melhoraram os humores a respeito do que há por vir no mercado brasileiro.

Calculadora de IR

Luis Outi

https://investidorindependente.com/

Amante do mercado financeiro. Trabalho no mercado financeiro desde 2008, especializado no mercado de renda variável e de derivativos, também conhecido como opções.