Notícias

Bolsa apresenta alta de 0,77% com otimismo do exterior

Voltar

Duas notícias contribuíram para que os mercados globais iniciassem a semana otimista: a esperança em acelerar o tratamento ao Covid-19 – aprovada por Trump ontem – e o fortalecimento do setor tecnológico local chinês.

Segundo publicado no Financial Times, o governo ianque pretende encurtar as etapas no processo de autorização de vacina experimental na terapia de pessoas contaminadas pelo Covid-19.

Além de ânimo aos pacientes, essa medida vai ao encontro das expectativas dos trades que, até semana passada, questionavam a eficiência na forma como Trump conduzia a situação em seu território.

Esses movimentos foram bem vistos pelos investidores e serviram para impulsionar os resultados dos pregões a nível global.

No oriente, valorizadas ficaram todas bolsas: Nikkei (Tóquio) +0,28% a 22.985,51 pontos, Hang Seng (Hong Kong) +1,74% a 25.551,58 pontos, Xangai Composto (China) +0,15% a 3.385,64 pontos, Shenzhen Composto (China) + 1,26% a 2.278,25 pontos, Kospi (Seul) +1,10% a 2.329,83 pontos e Taiex (Taiwan)+0,31% a 12.647,13 pontos.

Clima que se repetiu na zona do euro, por meio de bolsas com lucros de: FTSE 100 (Londres) + 1,71 %, em 6.104,73 pontos, CAC 40 (Paris) + 2,28 %, a 5.007,89 pontos, DAX (Alemanha) 2,36% a 13.066,54 pontos, FTSE MIB (Itália) +1,71%, em 6.104,73 pontos, IBEX 35 (Madri) + 1,89%, a 7.099,5 pontos e PSI 20 (Lisboa) +1,95%, a 4.428,79 pontos.

Apesar do bom humor predominar no cenário exterior, segue no radar de especialistas as tensões sino-americanas e a ausência de alinhamento entre congressistas estadunidenses; o que limita os ganhos nas ações americanas.

Os futuros da Dow Jones (às 15h31) registravam 28.180,92 pontos com acréscimo de +0,90%. O S&P 500 teve avanço de +0,71% a 3.416,62 pontos.

Do lado de cá, o ponto de alerta está no risco fiscal somado às incertezas quanto às medidas de incentivo à retomada da economia brasileira, já que grande parte delas está atrelada aos limites orçamentários.

Ibovespa, se recupera, e inicia a semana com ganho de: +0,77% e 102.297,95 pontos.

Dentre as maiores altas temos: ELET3.SA (+9,74%), ELET6.SA (+8,02%), EMBR3.SA (+5,52%), AZUL4.SA (+4,06%) e GOLL4.SA (+3,56%).

Já as maiores baixas foram: YDUQ3.SA (-6,1%), IRBR3.SA (-3,41%), COGN3.SA (-2,9 %), CYRE3.SA (-1,87%) e WEGE3.SA (-1,67%).

Dólar

Hoje, a moeda americana teve queda de - 0,22%, fechando cotada a R$ 5,594.

Por fim, o Banco Central fez leilão de swap tradicional para rolagem de até 12 mil contratos com vencimento em março e julho de 2021.

Curso Trava Estruturada de Renda FIxa

Luis Outi

https://investidorindependente.com/

Amante do mercado financeiro. Trabalho no mercado financeiro desde 2008, especializado no mercado de renda variável e de derivativos, também conhecido como opções.