Notícias

Ibovespa fecha em leve queda nesta terça-feira (25/08)

Voltar

Nesta terça-feira, o Ibovespa fechou em leve queda, de aproximadamente 0,18%, chegando ao patamar de 102.118 pontos.

O resultado de hoje foi bastante impulsionado pela desvalorização das ações da Vale (VALE3), que apenas no pregão de hoje, sofreu um recuo aproximado de 2,13% por conta da retração do minério chinês. A movimentação das ações dessa empresa costuma impactar muito nos resultados do índice, já que é uma das ações mais negociadas na bolsa brasileira.

Falando especificamente sobre a economia do país, os investidores seguem preocupados com divergências entre o Presidente Jair Bolsonaro e o Ministro da Economia, Paulo Guedes, em relação ao novo pacote de medidas de recuperação da economia do país, por eles denominada "big bang".

Entretanto, um destaque positivo foi o resultado da pesquisa do IBGE, em relação ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que apresentou um aumento de 0,23% em agosto, resultado esperado pelos especialistas do setor.

Movimentação das ações

Algumas ações acabaram ganhando destaque, como:

• Lojas Renner (LREN3): 4,28%;

• Rumo Log (RAIL3): 3,48%;

• Cia Hering (HGTX3): 3,17%.

Já entre as ações mais prejudicadas desta terça-feira, destacam-se:

• Braskem (BRKM5): -3,51%

• Cielo (CIEL3): -3,37%

• JBS (JBSS3): -3,01%

Dólar

A moeda americana apontou uma leve queda na cotação de hoje de 1,44%, chegando ao patamar de R$ 5,5266.

Para compra efetiva, o dólar poderia ser encontrado no mercado pelo valor de R$ 5,520.

Juros futuros

Enquanto isso, no mercado de juros futuros tivemos a seguinte cotação:

• DI para janeiro de 2022: queda de três pontos base, marcando 2,74%;

• DI para janeiro de 2023: queda de dois pontos base, marcando 3,92%;

• DI para janeiro de 2025: perda de três pontos base, marcando 5,75%.

Robô trader

Luis Outi

https://investidorindependente.com/

Amante do mercado financeiro. Trabalho no mercado financeiro desde 2008, especializado no mercado de renda variável e de derivativos, também conhecido como opções.